Condomínios

Energia Solar
Fotovoltaica

A energia solar é uma ótima opção para quem deseja reduzir a conta de luz do seu condomínio, visto que geralmento o consumo de energia é alto, representando um custo elevado para os condôminos. De acordo com a atualização da legislação que regulamenta a geração própria de energia, é possível instalar um Sistema fotovoltaico para atender as áreas de uso comum do condomínio. Ou seja, a energia solar pode atender a necessidade de todos os equipamentos, como elevadores, lâmpadas, bombas, máquinas, etc.

Utilizando energia limpa, o condomínio com atitude verde e sustentável, pode reduzir sua conta de luz a valores baixíssimos. Essa é uma ótima opção de investimento para condomínios, pois a rentabilidade trazida pela energia solar chega a mais de 20% ao ano, bem acima da rentabilidade aplicada ao fundo de reserva em aplicações tradicionais seguras. O investimento em energia solar também é seguro, pois a tecnologia utilizada já é muito consolidada em todo o mundo durante décadas, fazendo com que a geração de energia elétrica seja garantida pro futuro.

Uma outra possibilidade para condomínios, são os próprios condôminos que muitas vezes tem o interesse em gerar a própria energia para reduzir o custo com eletricidade em seu apartamento, porém não possuem espaço hábil para a instalação das placas fotovoltaicas por não possuírem telhado. A solução nesse caso é simples: os condôminos ou o grupo de interessados investe na instalação de um Sistema de energia solar utilizando uma área comum do condomínio e definem entre si qual a porcentagem de energia gerada pelo Sistema será alocada para cada integrante. Dessa forma todos os integrantes podem ter redução na conta de luz, chegando a representar uma economia de até 95%.

Uma terceira opção é um misto das anteriores, em que o condomínio também participa do empreendimento e recebe uma cota da energia gerada, assim como os outros condôminos integrantes também recebem uma porcentagem da geração que é definida previamente. Logo, nessa modalidade, tanto condomínio quanto condôminos se beneficiam da energia solar fotovoltaica.